GIULIANO GEMMA


Ator

[02 / 09 / 1938 <==> 01 / 10 / 2013]

Giuliano Gemma foi um famoso ator italiano, mais lembrado pelo publico em geral pelas suas participações em filmes "*Spaguetti Western" italianos das décadas de 1960 e 1970.

*["Spaghetti Western" é o nome de um tipo de filme western (faroeste) de produção italiana das décadas de 1960 e 1970, muitas vezes com a participação de atores famosos, mesmo no início de sua carreira e que mais tarde viriam a tornar-se estrelas internacionais. Estes filmes foram geralmente filmados na Itália ou na Espanha, e em casos raros, em outros países do Mediterrâneo. Graças a este gênero prolífico, por cerca de quinze anos (incluindo aproximadamente entre 1964 e 1978) o western experimentou uma renovada popularidade na Itália, após um período de declínio. O gênero também foi bem sucedido fora da Itália, influenciando os temas e convenções do gênero western de produção não-europeu].

Nascido em Roma, Itália, Giuliano Gemma iniciou sua carreira cinematográfica aos 18 anos como dublê.
Depois de alguns papéis menores e de trabalhos como dublê, ele se tornou protagonista em vários filmes e nos gêneros mais diversos.
Ele também atuou em mais de 100 produções no cinema e na televisão, que iam de comédias a filmes de aventura e de época.

Giuliano Gemma trabalhou ao lado dos maiores atores do cinema em clássicos como "Ben Hur", com Charlton Heston, de 1959, e "O Lepardo", com Burt Lancaster, de 1962.
Em 1965, ele rodou "Uma Pistola para Ringo", que o consagrou como estrela do western spaghetti e o tornou famoso no exterior.
Ele atuou em dez filmes dessa série, todos de grande sucesso.
Giuliano Gemma trabalhou durante sua carreira com atores como Kirk Douglas, Rita Hayworth, Henry Fonda, Florinda Bolkan, Liv Ullman, Philippe Noiret e Catherine Deneuve.

De porte atlético, ele realmente era um atleta.
Devido a isso, Giuliano Gemma apareceu sem muito brilho em comédias que exploravam sua aparência física, incluindo duas de diretores importantes – "Veneza, a Lua e Você", de Dino Risi, e "A Casa Intolerante", de Mauro Bolognini.
Giuliano também participou como "extra" em "Ben-Hur", de William Wyler.
Sua primeira grande oportunidade foi em 1962, quando Duccio Tessari fez "Arrivano I Titani", que no Brasil se chamou "Os Filhos do Trovão".
Vale reportar-se ao cinema italiano da época.
Havia os grandes autores, Federico Fellini, Luchino Visconti e Michelangelo Antonioni, mas no fim dos anos 1950 e início dos 60, a tendência dominante na indústria italiana eram os épicos mitológicos.
Quando o tema já estava desgastado, Tessari fez a sua paródia com Giuliano Gemma na pele de Krios, que os deuses do Olimpo enviam a Creta para derrotar um tirano que está acabando com a população.

O público adorou o jovem Giuliano Gemma, que formava um belo par com Jacqueline Sassared.
E o filme era bem-humorado, tinha ritmo, inventividade.
Catapultado a uma posição de destaque, Gemma travestiu-se de astro americano e, com o pseudônimo de Montgomery Wood, estrelou um simulacro de faroeste que arrebentou nas telas.
"O Dólar Furado", de 1965, abriu uma tendência que prosseguiu por uma década e talvez seja o filme mais famoso de Giuliano Gemma.
Wood/Gemma fez muitos filmes do gênero – "Uma Pistola para Ringo", "Dias de Ira" e outros.
Em 1963, Luchino Visconti, precisando de um ator belo e carismático para encarnar o jovem Garibaldi, fez dele um dos atores de "O Leopardo", mas a participação foi reduzida a quase nada na versão hollywoodiana, cortada e remontada, que circulou em todo o mundo.

Foi em 1965, quando filmava "Uma Pistola para Ringo", que conheceu a mulher, Natália Roberti.
Viveram juntos por 30 anos, até a morte dela, em 1995.
Tiveram duas filhas, uma delas, Vera Gemma, também atriz.
Giuliano Gemma se casou posteriormente com Baba Richerme.
Quando a carreira no cinema entrou em colapso, ele passou a fazer TV, mas, nos últimos anos, descobrira um outro talento e jurava que sua vocação era ser escultor.
Ganhou elogios de críticos por sua nova atividade, mas, no imaginário do público, ele é eterno como o herói mitológico de "Os Filhos do Trovão" ou o pistoleiro de "O Dólar Furado".

Em 2012, ele fez uma participação em "Para Roma Com Amor", de Woody Allen, que acabou sendo seu último filme.
"A escultura", disse uma vez, "é uma paixão que cultivo desde menino.
Tive a sorte de conhecer grandes artistas como Attardi, Tommei, Ferroni e Robazza.
Talvez seja uma atividade na qual eu me encaixo também porque sou bom com trabalhos manuais.
Provavelmente é algo hereditário: venho de uma família de artesãos, meu pai era barbeiro e meu avô, sapateiro".
Ao longo de sua carreira, o astro de "Os Anjos Também Comem Feijão" (1973) também chegou a trabalhar com o diretor Mario Monicelli, entre outros grandes nomes do cinema italiano.

Em 1 de outubro de 2013, Giuliano Gemma feriu-se gravemente em um acidente de carro perto de Cerveteri, Roma.
Gemma, que dirigia o veículo, se envolveu em uma colisão frontal na qual também ficaram feridos um homem e seu filho.
Morreu logo após chegar ao hospital em Civitavecchia.

Causa da Morte: Giulianno Gemma morreu em 01/10/2013, com 75 anos de idade no St. Vincent's Hospital, devido à ferimentos provocados em uma do veículo que ele estava conduzindo com outro que vinha no sentido oposto de uma rodovia em Cerveteri, Roma.

Sepultamento:
O corpo de Giuliano Gemma foi sepultado no Cemitério Flaminio - Roma - Italy.
Viale Arciconfraternita di San Rocco, 00188, Roma - Itália.

Coordenadas GPS (Latitude / Longitude) (Cemitério):
[42° 0'58.76"N / 12°29'52.79"E]

[Clique nas Coordenadas acima para acessá-las no Google Maps!]

__________________________________________________________

Nota: [Zelamos pela qualidade e precisão das informações contidas nas Mini Biográfias publicadas, no entanto falhas podem ocorrer, sendo que neste caso solicitamos que possíveis erros existentes nessa Mini Biografia, bem como para complementar informações e dados que possam melhorar o artigo, sejam comunicados através do e-mail: assombracoes@gmail.com].
__________________________________________________________



Giulianno Gemma


Giulianno Gemma


Giulianno Gemma


Giulianno Gemma


Giulianno Gemma


Capa do Filme "O Dólar Furado" com Giuliano Gemma


Velorio de Giulianno Gemma


Funeral de Giuliano Gemma


Cemitério onde está enterrado Giulianno Gemma

 

Trabalhos:

Giulianno Gemma


Explore o mundo todo em 3D
com riqueza de detalhes
Google Earth


@alemdaim

www.alemdaimaginacao.com
assombracoes@gmail.com